NEPAT_tarja_01.png

Indicação de literatura

Fevereiro de 2020

Vamos começar hoje mais uma iniciativa do NEPAT nas redes sociais! Toda 1ª segunda do mês nós vamos indicar um livro de literatura relacionado às temáticas que estudamos aqui no grupo. Esperamos que gostem 🖤

“Lembra-se da casa dos LeBlanc, a casa dele! Alta e estreita com a escadaria no centro, espiralando como uma concha, onde o fantasma do irmão ocasionalmente esgueirava-se entre as paredes, onde madame Manec viveu e morreu, onde há não muito tempo ele podia se sentar em um sofá com Marie-Laure e fingir que os dois viajavam sobre os vulcões do Havaí, sobre as florestas nubladas do Peru, onde há apenas uma semana ela estava sentada de pernas cruzadas no chão lendo para ele sobre a coleta de pérolas no Ceilão, capitão Nemo e Aronnax em trajes de mergulho, o impulsivo canadense Ned Land prestes a arremessar o arpão em um tubarão.. Tudo isso está se incendiando. Todas as lembranças que ele já teve.”

(DOERR, Toda a luz que não podemos ver, p. 444)

O livro inaugural nas nossas indicações é "Toda a luz que não podemos ver", do autor estado-unidense Anthony Doerr, um romance de ficção histórica focado nas vidas dos personagens, nos dolorosos momentos de generosidade e compaixão em meio às atrocidades da Segunda Guerra Mundial.
Marie-Laure, uma jovem francesa que perdeu a visão aos seis anos de idade, vive em Paris com o pai, que trabalha no Museu de História Natural. Werner, um órfão alemão que vive com a irmã em uma região mineradora, é fascinado pelas transmissões de um pequeno rádio que encontrou no lixo. Quando os nazistas ocupam Paris, Marie foge com seu pai, que carrega consigo um dos tesouros mais valiosos do Museu. Werner se torna um técnico de rádio do exército alemão e é enviado em uma missão para descobrir de onde vêm as transmissões de rádio responsáveis pela chegada dos Aliados na Normandia. Conectados por uma transmissão clandestina muito antes de se conhecerem, os caminhos de Marie e Werner enfim se cruzam na cidade litorânea de Saint-Malo, nos momentos finais do trágico desfecho da guerra.

RECEBA AS NOVIDADES

  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube